Home Editorias Brasil Médico ameaça enfiar dedo no “c…” de pacientes petistas
fullinterna_2


Médico ameaça enfiar dedo no “c…” de pacientes petistas

| Por Da Redação NMT com Revista Fórum
O médico Bernardo Pinto de Oliveira Souza assume as postagens, mas justifica que estava brincando e que foram tiradas de contexto...

Petistas de Muriaé (MG) têm denunciado um médico da rede pública da cidade que, segundo relatos, estaria ameaçando simpatizantes do partido. Em um grupo de WhatsApp, o profissional de saúde, que se chama Bernardo Pinto de Oliveira Souza, afirmou que mataria petistas no seu plantão e que enfiaria o “dedo no c…”, caso eles caiam em seu plantão.

“Caça um jeito de arrumar um plano de saúde porque petista eu mato em plantão, viu…”, diz o médico em uma das mensagens enviadas no grupo. “Quando você tiver morrendo lá, quero que você grita “luladrão” e eu enfio o dedo no seu “c…” pra ver a lágrima escorrendo nos zói (sic). Petista trata-se assim”, escreveu ainda Souza.

Pelas redes sociais, Bernardo mostra ser apoiador de Jair Bolsonaro e antipetista. Ele ostenta fotos com frases como “o Lula tá preso, babaca”, “PT não” e “Bolsonaro 17”. O médico já se manifestou sobre a polêmica e confirmou ser ele mesmo o autor das mensagens. Ele afirma, entretanto, que a fala foi feita em um contexto de “brincadeira” em um grupo de amigos.

“Foi uma brincadeira entre amigos num grupo de WhatsApp. Com quem eu brinquei, tenho muita intimidade para isso. Mas, como tudo é possível na internet, tiraram a minha fala do contexto e fizeram isso comigo. Uma irresponsabilidade”, afirmou.

“Moro numa cidade pequena de interior e isso está causando uma exposição muito grande. Inclusive, eu não trabalho fazendo plantão, o que prova mais uma vez que não tem fundamento ser sério o que está escrito. Eu friso que foi uma brincadeira entre amigos com muita intimidade, sem nenhuma conotação política ou profissional”, disse ainda.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here