Home Destaque COVID | Governo de MT decide incluir grávidas no grupo prioritário de...
fullinterna_3
fullinterna_2


COVID | Governo de MT decide incluir grávidas no grupo prioritário de vacinação

| Por Da Redação NMT com FolhaMax
já são 17 gestantes vítimas fatais do novo coronavírus em Mato Grosso, sendo que 14 delas perderam a vida neste ano. Foto - Reprodução

O governador Mauro Mendes (DEM) vai encaminhar para a Comissão Intergestores Bipartite – CIB – um documento pedido prioridade na vacinação de gestantes e puérperas contra a Covid-19. A informação é da deputada estadual Janaína Riva (MDB), que apresentou, em conjunto com o deputado Dr. João José (MDB), um projeto para que elas sejam considerados grupo prioritário.

Os deputados decidiram pressionar o governador para a inclusão das grávidas nas prioridades após uma conversa com o médico Ângelo Barrionuevo Gil Junior, presidente da Sociedade Matogrossense de Ginecologia e Obstetrícia (Somago). Ele destacou que, somente em 2021, o número de gestantes e puérperas já foram vítimas da Covid-19 aumentou muito em comparação com o ano passado.

Segundo Janaína, já são 17 vítimas do novo coronavírus deste grupo em Mato Grosso desde o início da pandemia, sendo que 14 delas perderam a vida neste ano. “Muitos bebês aí órfãos por causa da Covid. Então, vamos fazer esse movimento em prol das mulheres, das mães”, disse Janaína Riva.

Somente após aprovação pela CIB é que os municípios poderão incluir as grávidas na vacinação contra a Covid. Até o momento, já foram autorizadas aplicação de vacinas em profissionais da saúde, idosos acima de 60 anos, indígenas aldeiados, quilombolas e profissionais da Segurança Pública em Mato Grosso. Um outro grupo que está próximo de se vacinar é dos professores.

VACINAÇÃO DE GESTANTES

Na última semana, uma portaria do Ministério da Saúde permitiu a vacinação contra a Covid-19 de mulheres grávidas, lactantes e que tiveram bebês em até 60 dias. Porém, a recomendação são para aquelas que tem doenças pré-existentes (comorbidades).

A indicação é uma mudança em relação a diretrizes anteriores da pasta. Antes, sob alegação de falta de testes, não foi incluído grávidas nos grupos prioritários.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here