Home Editorias Mato Grosso Governo realiza obras e entregas em seis municípios aniversariantes
fullinterna_2


Governo realiza obras e entregas em seis municípios aniversariantes

| Por


Com exceção de Pedra Preta, com 45 anos, outros cinco municípios – Alto Taquari, Campinápolis, Cocalinho, Novo São Joaquim e Primavera do Leste – comemoram 35 anos de emancipação administrativa nesta quinta-feira, 13 de maio, com ações do Governo do Estado em infraestrutura e agricultura familiar.

Em Alto Taquari, 11.133 habitantes, distante 483 de Cuiabá, na divisa com Mato Grosso do Sul, foram recuperados 91,4 quilômetros da MT-100, entre o município e Alto Araguaia, sob concessão do consórcio Via Brasil.

Alto Taquari, 11.133 habitantes, distante 483 de Cuiabá

Em Campinápolis, 16.919 habitantes, distante 546 quilômetros de Cuiabá, foi concluída a pavimentação de 51,7 quilômetros da MT-110, entre o município e Novo São Joaquim, 4.938 habitantes, distante 480 quilômetros de Cuiabá.  Foram investidos R$ 47,2 milhões nesta obra, permitindo a interligação, por asfalto, entre as duas cidades à Nova Xavantina e à BR-158.

Campinápolis, 16.919 habitantes, distante 546 quilômetros de Cuiabá

Em Cocalinho, 5.681 habitantes, distante 866 quilômetros de Cuiabá, o Governo do Estado, por meio da Sinfra, avança com as obras da ponte sobre o Rio das Mortes, na MT-326, entre o município e Nova Nazaré.

Com 483 metros de extensão, será a maior, com esta estrutura, construída em Mato Grosso.  Estão em andamento os serviços de fundação. Estão previstos investimentos de R$ 52 milhões, com previsão de conclusão ainda em 2021. Sem a ponte, ainda se depende de balsas para fazer o trajeto na MT- 326.

Cocalinho, 5.681 habitantes, distante 866 quilômetros de Cuiabá

Também em Cocalinho, está concluída a superestrutura de quatro pontes de concreto sobre os rios Corixinho, Corixão, Água Preta e Borecaia, na MT-326, entre o município e Nova Nazaré. Faltam somente os encabeçamentos, para nivelá-las à altura da rodovia, para a entrega definitiva. Estão sendo investidos aproximadamente R$ 25 milhões.

Em Novo São Joaquim, além da pavimentação da MT-110, entre o município e Campinápolis.  Foi assinada ordem de serviço para construção de ponte sobre o Córrego Barreiro, de 41 metros, entre o município e General Carneiro, e para a construção de ponte na MT 336 sobre Córrego Desconhecido, de 51 metros, entre o município e Barra do Garças.

Novo São Joaquim, 4.938 habitantes, distante 480 quilômetros de Cuiabá

Primavera do Leste, 63.092 habitantes e distante 241 de Cuiabá, foi beneficiada com uma ponte de concreto sobre o Córrego Coité, com 25 metros de extensão, entre o município e Poxoréu. Apesar da pequena extensão, é essencial para retirar do isolamento a comunidade do Distrito de Nova Poxoréu.

Governo do Estado e Prefeitura de Primavera do Leste assinaram convênio para a construção de uma ponte de concreto, com 76,2 metros,  na MT-334, sobre o Rio das Mortes, localizado na região Sudeste de Mato Grosso. A ponte vai facilitar o escoamento da produção agrícola e incentivar o desenvolvimento da região.    

Foi concedida à iniciativa privada 140,6 quilômetros da MT 130, entre Primavera do Leste e Paranatinga, cujo leilão realizado em novembro do ano passado gerou R$ 1,719 bilhão. O prazo de concessão é de 30 anos.

Agricultura familiar

Por meio da Secretaria de Estado de Agricultura Familiar (Seaf), foram distribuídas patrulhas mecanizadas, com trator agrícola 4×4, carreta basculante e grade aradora, para Alto Taquari e Campinápolis.

Também pela Seaf, Campinápolis recebeu cinco resfriadores de leite, com capacidade de até mil litros, enquanto Novo São Joaquim recebeu três e Cocalinho, dois.  

Os produtores familiares de Alto Taquari, Campinápolis e Novo São Joaquim ainda foram beneficiados com doses de sêmen convencional, enquanto Campinápolis recebeu, além de doses de sêmen convencional de raças leiteiras (holandesa, jersey, girolando e gir), sêmen sexado e prenhezes (fertilização in vitro e transferência de embrião).

No pacote estão incluídas vacinas reprodutivas, exames de brucelose e tuberculose, medicamentos do protocolo hormonal, ação de transferência de embriões e diagnóstico de gestação.

Saúde e repasses

A SES (Secretaria de Estado de Saúde) repassou aos quatro municípios 9.050 testes rápidos (5.275 para Primavera do Leste), para detecção do coronavírus e medicamentos para combatê-lo, num total de 429.121 comprimidos (226.990 para Primavera do Leste) entre azitromicina (52.761), ivermectina (42.209) e dipirona (335.151), também distribuído em gotas, com 8.207 frascos. 

Entre 2020 e 2021, o Governo do Estado repassou R$ 257,48 milhões aos cofres municipais, dos quais R$ 125,74 milhões para Primavera do Leste, em ICMS, IPVA e Fethab; R$ 9,61 milhões em assistência social, transporte escolar e emendas parlamentares entre 2019 e 2020; e R$ 27,795 milhões (Primavera do Leste, R$ 23,586 milhões) em fundos de saúde entre 2019, 2020 e 2021.

Economia

Liderado por Primavera do Leste (R$ 3,95 bilhões), onde se localizam 11 dos 15 grandes empreendimentos (indústria têxtil e de fertilizantes, comercial de sementes e distribuidoras de insumo), o Produto Interno Bruto (PIB) municipal dos seis aniversariantes soma R$ 6,34 bilhões.

O município de Pedra Preta tem uma população de 17.446 habitantes   

O setor de serviços, com R$ 2,366 bilhões, é o maior componente, seguido por agropecuária (R$ 1,718 bilhão), indústria (R$ 886,6 milhões), administração pública (R$ 771,03 milhões) e impostos (R$ 597,54 milhões).

O PIB per capita médio de R$ 49.201,74 (Alto Taquari, onde se localiza um terminal da Ferronorte, responde por R$ 84.436,00, e Primavera do Leste, por R$ 64.817,96). 

O rebanho bovino conjunto soma 1,43 milhão de cabeças, das quais 31,255 vacas ordenhadas, com uma produção de 36,25 milhões de litros de leite; enquanto o rebanho galináceo, 5.452 milhões de cabeças, das quais 4,2 milhões de galinhas, com 96 milhões de dúzias de ovos (Primavera do Leste detém o maior rebanho de galinhas e ovos de Mato Grosso e o terceiro do país), além 46,5 mil suínos (6,2 mil matrizes), 15.225 ovinos e 14.810 equinos, além de 508,6 toneladas de peixe em cativeiro, 3,17 toneladas de mel de abelha.

Décimo-terceiro do ranking nacional em valor da produção agrícola, em 2019, Primavera do Leste produziu 202,7 mil toneladas de algodão, de um total de 375,78 mil entre os seis municípios; 693,1 mil de toneladas de milho (de 1,4 milhão); e 842,4 mil toneladas de soja (de 1,56 milhão).  

Em menor escala, os seis municípios produziram ainda arroz, feijão, mandioca, cana de açúcar, sorgo, girassol banana, café, borracha, limão, tangerina, coco da baía, abacaxi, palmito, castanha e uva, além 11,1 mil hectares de plantação de eucalipto.

Fonte: GOV MT

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here