Home Cidades Trabalhador tem bicicleta atropelada por carreta no acostamento e morre em MT
fullinterna_2


Trabalhador tem bicicleta atropelada por carreta no acostamento e morre em MT

| Por Da Redação NMT com SóNotícias
Perícia ainda será aprofundada, mas indica para imprudências, inclusive quanto a velocidade, por parte do condutor do veículo maior. Foto - Reprodução

Uma colisão envolvendo um Iveco Eurotec branco e uma bicicleta, que estava no acostamento da BR-163 nas proximidades do bairro Jardim do Ouro, zona urbana de Sinop-MT, ocasionou a morte do ciclista no próprio local, nesta tarde (12).

O Instituto Médico Legal confirmou que a vítima foi identificada como Vanderlei Araújo. Ele trabalhava em uma madeireira na região e estaria retornando para a empresa. Com o impacto, ficou embaixo das ferragens do caminhão.

Uma mulher, que estava no Iveco (não foi informado se era ela a condutora) ficou ferida, foi socorrida pela concessionária que administra a via e encaminhada ao hospital regional. Não há detalhes sobre o atual estado de saúde dela.

A Perícia Oficial e Identificação Técnica foi acionada e o perito André Furio explicou que, possivelmente, houve falha mecânica no caminhão.

“O motorista relata que teve outro veículo que deu uma freada brusca na frente dele, mas não constatamos marcas de freada. Tem uma movimentação de 80 metros aproximadamente, deixando marcas no asfalto, mas não de frenagem”, detalhou.

O ciclista foi atingido fora da pista. O caminhão seguia sentido Sul e será apurado qual a velocidade que estava. “Atingiu provavelmente em sentido contrário, a julgar pelas lesões do ciclista na parte esquerda do corpo (…) Tem uma dinâmica de 80 metros, prendendo bastante, tem que se fazer cálculos. A velocidade desse trecho é baixa, provavelmente com excesso sim”, pontuou Furio.

O caminhão ficou com a parte frontal danificada e o para-brisa quebrou. Guarnições da Polícia Rodoviária Federal e Civil também foram acionadas para os procedimentos necessários. As responsabilidades passam a ser investigadas.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here