Home Editorias Polícia Polícia Federal fiscaliza empresas de segurança privada vinculadas à organização criminosa
fullinterna_2


Polícia Federal fiscaliza empresas de segurança privada vinculadas à organização criminosa

| Por


Porto Alegre/RS – A Polícia Federal fiscalizou na terça-feira (4/5), dez empresas de Segurança Privada vinculada a um grupo econômico investigado pela Polícia Civil do Rio Grande do Sul e pelo Ministério Público Estadual, na Operação Union.

 Policiais federais apreenderam materiais controlados de patrimônio das empresas, como armas, munições e coletes balísticos. Com a deflagração da operação e o compartilhamento de provas pela Polícia Civil, as autorizações de funcionamento dessas empresas serão suspensas pela Polícia Federal, com a finalidade de cessar as atividades para atuação no mercado privado e na participação do grupo em licitações para contratação de serviço de segurança por órgãos públicos federais, estaduais e municipais.

 A Operação Union foi deflagrada pela Polícia Civil e pelo MP/RS, em cooperação com a Polícia Federal, Cage/RS e PGE/RS, para investigar crimes licitatórios, organização criminosa, crimes contra a administração pública, lavagem de dinheiro, entre outros. O alvo é um grupo econômico criminoso atuante no Rio Grande do Sul na exploração do mercado de prestação de serviços de vigilância patrimonial privada, limpeza, portaria e similares.

 

 

Comunicação Social da Polícia Federal no Rio Grande do Sul

imprensa.rs@dpf.gov.br | www.pf.gov.br

Fone: (51) 3235-9005/99717-3040

 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here