Home Editorias Agricultura Empresa de Rondonópolis vira referência nacional por produtos que aumentam eficácia de...
fullinterna_2

Empresa de Rondonópolis vira referência nacional por produtos que aumentam eficácia de defensivos agrícolas


| Fonte: Da Redação NMT
O diretor de Ciência e Tecnologia da SELL AGRO, Eloi do Prado. Foto - Reprodução

A aplicação de defensivos agrícolas, sejam eles herbicidas, inseticidas ou fungicidas, está longe de ser uma ciência exata, em que basta espalhar tais produtos pela lavoura que o problema está resolvido. Diversos são os fatores, como os climáticos e químicos, que diminuem a abrangência e eficácia do resultado final.

A SELL AGRO é uma empresa rondonopolitana especializada em adjuvantes agrícolas, que na prática são potencializadores das ações dos defensivos, rompendo barreiras que os impedem de serem melhores absorvidos e executarem plenamente suas funções.

Destaque

Recentemente, a SELL AGRO foi apontada como referência nacional pelo Centro de Pesquisa Agroefetiva de Botucatu (SP), órgão tido como uma das autoridades técnicas do Brasil na área. Dois dos produtos da empresa rondonopolitana, em específico, ganharam os holofotes principais: o ARES e o OPHION.

O diretor de Ciência e Tecnologia da SELL AGRO, Eloi do Prado, explicou ao NMT que o papel da empresa é ser uma facilitadora no campo. “Nossa tarefa é solucionar problemas que os produtores encontram na hora de aplicar o defensivo, atuando desde a padronização de gotas (do produto a ser aplicado), combatendo a deriva (ação do vento desviando o defensivo do alvo), formação de espuma e a inativação de agroquímicos por íons de ferro, cálcio e magnésio, eventualmente presentes na água”, citou.

ARES

Sobre um dos produtores evidenciados nacionalmente, o ARES, que é um grande parceiro dos inseticidas e fungicidas, Eloi explicou que sua função principal é agir contra os bloqueios químicos que atuam contra o defensivo. O adjuvante é tido como multifunção, pela variedade de benefícios que gera e tende a fidelizar o consumidor logo a após a primeira experiência, garante o diretor.

“Foi desenvolvido para resolver uma série de problemas, como é o caso da formação de espuma. Ele ainda executa um papel fundamental que é o de quelatar os íons de magnésio, cálcio e ferro presentes na água, que agem contra o defensivo. Temos ainda nesse produto um polímero, que impede a evaporação, padronizando também o tamanho das gotas e impedindo a deriva”, evidencia.

OPHION

Outro “premiado” da SELL AGRO, o OPHION, age junto as herbicidas, no controle direto de plantas invasoras na lavoura e na dessecação inicial. Segundo Eloi, sua fama não é à toa. “O principal apelo deste produto é o de potencializar a absorção, sendo assim muito importante para os herbicidas sistêmicos (que são absorvidos pela erva daninha e agem no interior da planta), para os de contato (age na parte externa da erva daninha) também é útil, na medida em que padroniza a gota do produto aplicado. O OPHION foi desenvolvido para formar agentes de penetração, que quebram barreiras da superfície da folha, garantindo a absorção plena do defensivo aplicado, além de, assim como o ARES, atuar contra a formação de espuma e quebrando íons de elementos que agem contra o trabalho desejado”, explicou.

STARTUP

A SELL AGRO ainda possui um catálogo com outras opções, também já consagradas junto aos homens e mulheres do campo, como é o caso do STARTUP, que destaca-se por conseguir atuar tanto com herbicidas, fungicidas e inseticidas. “No caso de não haver problemas com grande quantidade de ferro, magnésio e cálcio na água da propriedade, bem como o produtor não necessitar de uma expressiva presença de polímeros surfactantes, o STARTUP é, sem dúvida alguma, o melhor custo-benefício do mercado”, crava Eloi.

UPSIDE

O caçula da SELL AGRO, desenvolvido em 2021, é o UPSIDE, que age como um desalojante de inseto. “Ele é feito à base de um complexo que é capaz de irritar os insetos na lavoura. A partir disso, ocorre uma movimentação intensa deles logo após a aplicação e a partir desde momento há um contato direto com o inseticida e isso promove a morte o controle das pragas. Tem crescido muito essa demanda, é realmente muito comum que o inseticida não consiga adentrar aos esconderijos”, detalha Prado.

MacClean

A empresa também acatou uma requisição vinda direta de clientes, que sistematicamente reclamavam que não conseguiam limpar plenamente os tanques de pulverização, misturadores e demais materiais utilizados durante as aplicações. Para diluir todo e qualquer resíduo, a SELL AGRO criou o Mac Clean. “Ele inativa o agroquímico que fica incrustado e escondido nas barras de pulverização, nos tanques e bicos, sendo capazes de promover a fitotoxicidade da lavoura”, alerta.

Compromisso

A missão de ser um facilitador dos produtores rurais, segundo projeta Eloi, é uma atividade contínua e o diretor projeta um longo caminho pela frente para a SELL AGRO. “Estamos numa busca constante de soluções. Todo dia surgem novos problemas e paralelamente ainda estamos avançando contra problemas antigos. Temos essa obsessão em auxiliar, em ser um facilitador de quem faz toda a diferença para nosso país”, acrescenta o diretor.

O contato com a empresa e seu time de especialistas, com detalhamento de seus produtos e objetivos, pode ser alcançado pelo endereço eletrônico www.sellagro.com.br

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here