Home Destaque Evento cultural e artístico reune talentos da Polícia Civil
fullinterna_2


Evento cultural e artístico reune talentos da Polícia Civil

| Por


Assessoria | Polícia Civil-MT

Após um ano atípico em razão da pandemia, a Polícia Civil de Mato Grosso, por meio do Setor de Acompanhamento Psicossocial e Qualidade de Vida, da Coordenadoria de Gestão de Pessoas, realizou na tarde desta sexta-feira (10.12), a 16ª edição do projeto social “Arte e Cultura em Ação: Revelando Talentos da PJC 2021”. 

Cerca de 60 pessoas participaram da tradicional comemoração realizada no auditório da Diretoria Geral, em Cuiabá, que contou com exposições de pinturas em telas, artesanatos, livros, culinárias, apresentações musicais, sorteios de vários brindes e presentes.

Inserido no calendário de eventos da Polícia Civil e programado para acontecer no mês de dezembro, o projeto Arte Cultura em Ação tem como objetivo homenagear os profissionais através da valorização pessoal e reconhecimento de talentos e das habilidades artísticas.

Além de fortalecer a autoestima, proporcionar e estimular a convivência e a confraternização, que são fatores integrantes do bem-estar e qualidade de vida, sendo ainda uma forma de descarregar o estresse causado pela própria natureza da atividade policial e do acumulo de serviço.

Todos os trabalhos artísticos, as manifestações de arte e cultura apresentadas foram confeccionados e exibidos pelos policiais civis e familiares, que através do projeto têm a oportunidade de mostrar seus dons e habilidades que realizam fora da Instituição.

O coordenador de Gestão de Pessoas, Fabiano Pitoscia, falou da importância desse tipo de evento para que os policiais civis apresentem os seus dons e qualidades artísticas. “Esse é momento especial voltado para a descontração e diversão, onde se proporciona ao servidor o incentivo a arte e cultura”, destacou Fabiano Pitoscia.

Expondo pela primeira vez no evento as pinturas em telas e livros escritos de ficção, científico e romance, o investigador Leonel Arruda, lotado na 1ª Delegacia de Polícia de Cuiabá, falou da alegria de participar e agradeceu a oportunidade de mostrar aos colegas de serviço os seus trabalhos artísticos.

Também demonstraram suas habilidades na confecção de artesanatos, as investigadoras Rayane de Paula Costa, lotada na Gerência de Aplicação, Desenvolvimento, Saúde e Segurança, e Flávia Cordavez Lopes de Aquino, da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) de Cuiabá.

A 16ª edição contou também com demostrações culinárias da estagiária de comunicação, Juliana Bispo, e do gerente de Inteligência, investigador Adriano Real.

Para abrilhantar ainda mais o evento e animar o público participante, várias músicas em diferentes ritmos foram apresentadas por Arildo Relíquias e família, Reginaldo Zeferino, Ivan Rodrigues e esposa, Genison Brito Alves Lima, entre outros colaboradores.

Fonte: PJC MT

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here