Home Editorias Polícia Polícia Civil realiza ações de prevenção e combate a crimes contra idosos...
fullinterna_1
fullinterna_2


Polícia Civil realiza ações de prevenção e combate a crimes contra idosos durante mês de outubro

| Por


Assessoria/Polícia Civil-MT

A Polícia Civil, através da Delegacia Especializada de Delitos Contra a Pessoa Idosa (DEDCPI) de Cuiabá, deu início nesta sexta-feira (01.10), a operação Vetus 2 para combate a crimes  de violência contra o idoso. A operação foi deflagrada em alusão ao Dia Nacional do Idoso comemorado na data de 1º de outubro e durante todo o mês serão realizadas ações de prevenção e combate aos delitos contra a pessoa idosa.

A primeira fase da operação Vetus ocorreu em 2020, com a coordenação do Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), sendo um grande sucesso, com ações desencadeadas nos 26 estados do país.

Atualmente, somente na Delegacia Especializada de Delitos Contra a Pessoa Idosa de Cuiabá existem 684 inquéritos policiais instaurados, 99 Termos Circunstanciados de Ocorrência (TCO) e 221 Autos de Investigação Preliminar, relacionados a crimes cometidos contra pessoas idosas.

O delegado titular da DEDCPI, Vitor Chab Domingues, recebeu na terça-feira (29), o presidente do Conselho Estadual do Idoso e membros da Secretaria de Assistência Social para tratar de ações que serão realizadas durante todo o mês de outubro, em que será comemorado o mês do idoso.

Segundo o delegado, a ideia é fortalecer a rede de proteção aos idosos junto aos demais órgãos, contribuindo assim para o fluxograma de atendimento à pessoa idosa. Além da atuação do DEDCPI, Conselho do Idoso e Secretaria de Assistência Social, as ações contarão com apoio do Procon Estadual e Delegacia Especializada de defesa do Consumidor (Decon).

“Durante todo o mês, os órgãos de defesa do idoso estarão reunidos para realização de palestras no interior do estado e em centros de convivências de idosos para orientá-los, principalmente sobre golpes, empréstimos compulsórios e outros crimes que eles possam ser vítimas”, disse o delegado.

Fonte: PJC MT

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here