Home Editorias Mato Grosso Homem é preso pela Polícia Civil após estupro cometido contra filha de...
fullinterna_1
fullinterna_2


Homem é preso pela Polícia Civil após estupro cometido contra filha de seis anos

| Por


Um pai investigado pelo estupro cometido contra sua filha de seis anos foi preso pela Polícia Civil, na manhã desta quarta-feira (22.09), no município de Novo São Joaquim (485 km a leste de Cuiabá).

O suspeito de 53 anos teve a ordem de prisão temporária decretada pela Justiça, após investigação da Delegacia de Novo São Joaquim para apurar o crime.

No dia 15 de setembro, a mãe da vítima procurou a Polícia Civil e informou que está separada do ex-marido e ele pediu para passar uns dias com a filha, em uma propriedade rural onde estava trabalhando.

No dia 14 de setembro, a mãe foi buscar a filha e, ao retornarem para casa, a criança contou que estava com assadura. A mulher comprou uma pomada e quando foi passar o medicamento percebeu que havia algo errado. Ela perguntou o que havia acontecido, mas a menina relutou em contar por medo, pois o pai ameaçou a criança dizendo que bateria nela caso contasse para alguém. No entanto, a mãe insistiu e a menina acabou revelando o estupro.

Diante das graves informações, a Delegacia de Novo São Joaquim abriu uma investigação para esclarecer os fatos. A vítima foi encaminhada para exame de corpo delito, ouvida em depoimento especial e passou por atendimento com a equipe multiprofissional da Delegacia de Defesa da Mulher de Barra do Garças.

Com base nos indícios e evidências de crime, o delegado Pablo Rigo Borges representou pela prisão temporária do investigado, decretada pelo Poder Judiciário com manifestação do Ministério Público Estadual.

Após tomar conhecimento da investigação e temendo por ser preso, o suspeito fugiu. Porém, com o mandado de prisão expedido, os policiais civis realizaram diligências até localizá-lo na manhã desta terça-feira (22).

O homem foi conduzido até a delegacia, interrogado e, posteriormente, será encaminhado para a Penitenciária Major Zuzi Alves da Silva, em Água Boa, ficando à disposição da Justiça.

Fonte: GOV MT

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here