Home Destaque Menino prodígio de Rondonópolis assina com o Fluminense
fullinterna_2

Menino prodígio de Rondonópolis assina com o Fluminense


| Da Redação NMT
Arquivo pessoal

O garoto rondonopolitano Samuell Oliveira Esperancin, de 10 anos de idade, é o mais novo menino de Xerém, a tradicional base do Fluminense-RJ, o tricolor das Laranjeiras.

Samuell foi descoberto por um olheiro do time carioca em um campeonato que disputou com as cores do União Rondonópolis, onde era treinado por “Tião”, conhecido por descobrir talentos.

O pai de Samuell, Huander Esperancin, em contato com o NMT, contou que a família abraçou a causa do garoto e tem feito todo o esforço para que ele siga buscando seu sonho.

“Minha mulher e meu filho mais novo, junto do Samuell, estão lá no Rio de Janeiro e eu ficarei indo e voltando, de Rondonópolis, por causa do emprego. Vale todo esforço”, contou.

Saga

Para mudar ao Rio de Janeiro, a família se deparou com um alto custo na mudança e recorreu a ajuda de familiares, amigos e pessoas que se sensibilizaram com a história.

“Ficava inviável levar nossas coisas, então fizemos uma rifa e com a ajuda das pessoas foi possível montarmos um apartamento lá, com móveis seminovos, e então conseguimos dar esse suporte a ele, estando próximos para que ele siga a carreira com tranquilidade”, explicou o pai.

Expectativa

Samuell foi observado no primeiro semestre de 2020 pelo representante do time carioca, pouco depois foi até o Rio de Janeiro e passou em um teste para a base do Fluminense.

Em virtude da pandemia, porém, teve que conviver com a ansiedade de estar aprovado, mas não poder iniciar os treinamentos com os ouros garotos da base tricolor.

Sobre com a bola no pé, Samuell, que já teve passagens em escolinhas do Athlético Paranaense e Santos, é tido como um atacante com qualidades raras. Bem acima da média dos garotos de sua idade, o garoto se acostumou a disputar torneios com meninos de 11 anos de idade, quando ainda tinha 9, se destacando e sendo artilheiro.

Veja um lance do novo garoto do Flu:

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here