Home Editorias Política Ponto de vacinação da ALMT se prepara para receber novos grupos de...
fullinterna_2


Ponto de vacinação da ALMT se prepara para receber novos grupos de risco

| Por


Ponto de vacinação da ALMT já imunizou mais de quatro mil pessoas.

Foto: Helder Faria

Com o início do cadastro de novos grupos de risco para vacinação contra Covid -19, o ponto de vacinação instalado no estacionamento da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT) inicia os preparativos para receber novas prioridades.  Atualmente, a unidade atende idosos acima de 60 anos e pessoas com comorbidades entre 55 e 59 anos. “Com a chegada e distribuição dos novos imunizantes, a previsão é de que nos próximos dias abra agendamento para outros grupos serem atendidos no ponto”, explica Virgínia Moraes, coordenadora do ponto.

Segundo ela, a ampliação do novo público depende da distribuição das vacinas. Isso porque no ponto da ALMT o imunizante disponibilizado é da Astrazeneca, tanto para aplicação da primeira, quanto da segunda dose. “Cada ponto está trabalhando com uma vacina especifica e, conforme vai mudando o público prioritário e vão chegando novas remessas, a logística é reorganizada para equilibrar o atendimento”, explica Virgínia. “Para segunda dose da Coronavac, o atendimento é exclusivo no Centro de Eventos Pantanal e na Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT)”, complementa. 

Ela ressalta que o direcionamento é feito por meio do agendamento no site da prefeitura após o cadastramento e que é preciso ficar atento às orientações enviadas. “Geralmente é feito o envio por mensagem, mas o ideal é acessar o site para acompanhar a definição da data, horário e local indicado. No caso de quem, por algum motivo, perdeu o agendamento, é concedido o prazo de até cinco dias para se apresentar no ponto de imunização” explica. Em caso de dúvidas, a prefeitura disponibiliza o endereço digital supore.ctisms@cuiaba.mt.gov.br para atendimento aos cidadãos.

O atendimento do ponto instalado na sede ALMT é feito por servidores do Legislativo estadual e da prefeitura de Cuiabá, sendo o município o responsável pelo cadastro e agendamento das pessoas que são vacinadas no local. A unidade funciona de segunda a sábado, das 8h às 17h, e contabiliza, até o momento, mais de quatro mil vacinados. 

Quem será imunizado com as novas doses –  Gestantes com comorbidades; pessoas com doença renal crônica em terapia de substituição renal (diálise); Pessoas com obesidade mórbida (índice de massa corpórea – IMC ≥ 40), pessoas com síndrome de Down e pessoas com deficiência que estejam cadastradas no Beneficio de Prestação Continuada (BPC). Todos na faixa etária entre 18 e 59 anos.

O pneumologista Arlan Azevedo, destaca a importância de alcançar o maior número de pessoas em situação mais vulnerável para reduzir os quadros de complicações que acarretam em internação hospitalar, assim como o número de óbitos. “Apesar do índice geral da população vacinada ainda ser baixo, é preciso considerar o impacto positivo já alcançado com vacinação dos grupos com maior risco de agravamento da doença, por terem o sistema imunológico mais fraco”, ressalta.

Ele destaca a importância desses grupos prioritários também cumprirem a vacinação contra influenza (H1N1), cujo campanha já esta em vigor e as doses disponíveis nos postos de saúde, com o devido cuidado quanto ao intervalo entre as doses, de no  mínimo 14 dias entre uma vacina e outra. “Ambas as doenças atacam o sistema respiratório e podem ocasionar em Síndrome Respiratória Aguda e, com isso, favorecer o acometimento de outras infecções, devido à baixa no sistema de defesa do organismo”, alerta.

Passo a passo – Para se vacinar contra a Covid-19 na capital é preciso fazer um pré-cadastro no site da prefeitura de Cuiabá, que é liberado por grupos prioritários. O agendamento será feito automaticamente. Para consultar a data, horário e local da vacinação, é preciso acessar o mesmo site. No dia indicado, é preciso levar documento com foto, comprovante de residência, carteirinha com número SUS e o QR code gerado no site. Já para receber a segunda dose, é preciso levar a caderneta de vacinação e documento com foto. Após aplicação da dose, quem recebeu a vacina precisa ficar 15 minutos em observação antes de ser liberado. 

Fonte: ALMT

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here