Home Editorias Agricultura Senar mostra ações do projeto FIP Paisagens Rurais no Maranhão
fullinterna_2


Senar mostra ações do projeto FIP Paisagens Rurais no Maranhão

| Por


Bioma Cerrado

Brasília (11/05/2021) – O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) apresentou o andamento das ações do projeto FIP Paisagens Rurais no Maranhão em uma oficina digital do Serviço Florestal Brasileiro (SFB) e do governo estadual, na terça (11).

A iniciativa prevê a recuperação de 100 mil hectares de pastagens degradadas e de sete mil hectares de APPs e reservas legais em quatro mil propriedades rurais, por meio da Assistência Técnica e Gerencial do Senar na Bahia, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso e Tocantins.

Aline Albuquerque, da equipe gestora do projeto no Senar Maranhão, apresentou a evolução das ações em campo nas bacias hidrográficas do estado. “Aproximadamente 275 propriedades em quatro municípios já receberam algum atendimento de Assistência Técnica e Gerencial do Senar. Isso corresponde a mais de 78 mil hectares”.

Em relação ao perfil das propriedades rurais atendidas, 518 são geridas por homens e 136 por mulheres. Ao todo, são 495 propriedades que se dedicam a pecuária de corte (75,7%). Outras 150 têm como atividade principal a pecuária de leite (22,9%).

O assessor técnico do Senar, Rafael Diego da Costa, destaca o trabalho da equipe das administrações regionais que atuam em campo.

“O Senar Maranhão tem alcançado bons resultados mesmo com todos os desafios impostos na pandemia. É importante todo o trabalho na identificação e engajamento e produtores para tratar da atividade produtiva de pecuária de corte e de leite produtivos e de regularização ambiental”.

A oficina virtual foi promovida em parceria com o Governo de Maranhão e contou com palestras da Secretaria de Meio Ambiente do estado, que apresentou as estratégias do governo da agenda de regularização ambiental.

Sobre o projeto – O FIP Paisagens Rurais é financiado com recursos do Programa de Investimento Florestal (FIP em inglês) que são gerenciados pelo Banco Mundial. A coordenação é do Serviço Florestal Brasileiro e do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), com parceria da Agência de Cooperação Técnica Alemã (GIZ), Senar, Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTI), por meio do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), e Embrapa.

Assessoria de Comunicação CNA
Foto: Wenderson Araujo

Telefone: (61) 2109-1419
flickr.com/photos/canaldoprodutor

cnabrasil.org.br

twitter.com/SistemaCNA

facebook.com/SistemaCNA

instagram.com/SistemaCNA

facebook.com/SENARBrasil

youtube.com/agrofortebrasilforte

Fonte: CNA Brasil

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here