Home Destaque Com apoio de Janaína Riva e bem articulado, Botelho deve ir ao...
fullinterna_3
fullinterna_3

Com apoio de Janaína Riva e bem articulado, Botelho deve ir ao TCE


| Fonte: Da Redação NMT
TCE e ALMT
Atual presidente da ALMT tem tudo para ficar com vaga efetiva de Waldir Teis no TCE, enquanto Janaína ficará com o comando do parlamento estadual... Foto - Reprodução

Apenas uma questão de tempo estaria afastando o atual presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso – ALMT, Eduardo Botelho (DEM), do TCE.

A princípio, o democrata deve ser o mais novo conselheiro efetivo do Tribunal de Contas do Estado nos primeiros momentos do próximo ano.

Botelho está no comando do legislativo estadual há quatro anos e tem a garantia que ficará até o fim de 2022.

Decisão dos parlamentares

Para migrar ao TCE, ele precisa do apoio da maioria dos deputados estaduais, constitucionalmente responsáveis por indicar a composição da corte de contas.

Além de ser um ótimo articulador, Botelho tem o apoio irrestrito da deputada estadual e atual vice-presidente da ALMT, Janaína Riva (MDB).

Assunto interno

Riva, contudo, que herdaria o comando da Casa de Leis com a saída de Botelho, tem evitado o assunto, bem como o próprio comandante legislativo.

A própria eleição de Botelho para o biênio 2021/2022, em junho de 2020, já teria muito do dedo de Janaína.

Janaína articulada e próximos caminhos

Ela teria desarticulado possíveis chapas adversárias e garantiu a candidatura única de Botelho.

A vaga aberta agora deve surgir nos próximos dias com a efetivação da aposentadoria de Waldir Teis, que já protocolou o pedido junto à Presidência do TCE.

A Corte, responsável por analisar as contas de gestores públicos no estado, hoje está nas mãos de Guilherme Maluf, até outro dia também deputado estadual.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here