Home Destaque RONDONÓPOLIS | Júnior Mendonça traz PT de volta ao legislativo
fullinterna_3
fullinterna_3

RONDONÓPOLIS | Júnior Mendonça traz PT de volta ao legislativo


| Fonte: Da Redação NMT
PT voltará a ter representatividade na Câmara de Vereadores de Rondonópolis
Após um mandato sem ter nenhum representante, PT volta a ocupar uma das 21 cadeiras na Câmara Municipal da maior cidade do interior de MT com Mendonça. Foto - Reprodução

Após ficar de fora do grupo dos 21 eleitos em 2016, o PT voltará a ter representatividade na Câmara de Vereadores de Rondonópolis.

O partido de Luis Inácio Lula da Silva, vai ter o advogado Júnior Mendonça (PT) no parlamento da maior cidade do interior de Mato Grosso.

Mandato petista

Em entrevista ao NMT, nos últimos dias, Mendonça mostrou entrosamento com as pautas principais da sigla que levará consigo a plenário.

“A gente vai trabalhar em defesa dos direitos do trabalhador como um todo. Servidores públicos, trabalhadores rurais, os acampados, assim como os da iniciativa privada e que moram na zona periférica. São nosso foco”, resumiu.

Apoiadores fieis

Candidato pela segunda vez, Júnior Mendonça já havia conquistado uma expressiva votação em 2016, quando ultrapassou a marca dos 1.100 votos pelo SOLIDARIEDADE.

Agora eleito, ele considera que boa parte do público que o apoiou há quatro anos “migrou” de partido e seguiu ao seu lado para a votação do último dia 15 de novembro.

“Mantivemos o grupo e foi essa base popular, de movimentos sociais, que também pariu esses 860 votos”, considerou.

Fugindo do extremismo

Parte de uma desgastada polarização entre esquerda x direita, que para muitos saiu derrotada no pleito deste ano, Júnior acredita que o PT se reinventará.

“O agrupamento partidário a nível nacional e estadual vão criar mecanismos para tentar espantar essa fase dessas divergências (…) Eles vão estar desconstruindo esse desgaste”, considerou.

O futuro vereador, inclusive, que passa a ser a maior liderança do partido na região sul com o mandato conquistado, não descarta uma candidatura a uma cargo maior em 2022.

Parlamentos unidos

A curto prazo, porém, o advogado defende uma política unificada, inclusive entre os parlamentos municipais.

Isto ficaria a cargo, porém, da nova mesa diretora, segundo expôs o vereador.

“Creio ser fundamental um consórcio dos parlamentos, isso seria salutar, mas aí vai muito de quem vai conduzir a casa (…) É uma missão para o próximo presidente, bem como dos presidentes das demais câmaras circunvizinhas”, comenta.

Ajuda petista

Ainda sobre parceria, Júnior mostra foco em uma proximidade com parlamentares estaduais e federais do PT, como Lúdio Cabral e Rosa Neide, respectivamente.

“Os nossos deputados tem um olhar voltado para nossa cidade”, garante, inclusive referindo-se ao envio de recursos financeiros a Rondonópolis.

 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here