Home Editorias Brasil Motorista de app ficou de joelhos e levou três tiros na nuca:...
fullinterna_3
fullinterna_3

Motorista de app ficou de joelhos e levou três tiros na nuca: “Covardia”, diz delegado


| Fonte: Metrópoles

Os autores do latrocínio – roubo seguido de morte – que vitimou motorista de aplicativo Roosevelt Albuquerque da Silva, 31 anos, deram detalhes da ação criminosa aos policiais da 13ª Delegacia de Polícia (Sobradinho).

De acordo com informações o motorista de aplicativo foi obrigado a ficar de joelhos antes de ser atingido por três disparos de arma de fogo, todos na nuca. Hudson Maldonado, delegado do caso, resume o crime como “covardia e barbárie”.

Duas pessoas foram detidas: Whallyson Maicon Lima, 22 anos, e um adolescente.

“Foram três disparos na nuca. O maior ordenou que a vítima se ajoelhasse quando de forma covarde atirou na nuca exatamente porque o calibre 22 é menos potente e, acertando na nuca, ele sabia que ali não tinha a calota craniana e haveria a perfuração. Então, com três tiros na nuca, a vítima ficou caída no local”, detalhou o delegado-chefe da 13ª DP.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here