Home Destaque Após perder a mãe para a COVID, vereador eleito quer lutar por...
fullinterna_3
fullinterna_3

Após perder a mãe para a COVID, vereador eleito quer lutar por UTIs em Rondonópolis


| Fonte: Da Redação NMT
Investigador Gerson da polícia civil de Rondonópolis venceu as eleições
O investigador Gerson, da Polícia Civil de Rondonópolis, venceu as eleições pelo concorrido MDB e tem a saúde como meta do trabalho. Foto - Reprodução

O investigador da polícia civil, Gerson Luiz Moreira (MDB), eleito vereador em Rondonópolis, tem como uma de suas metas a de lutar por mais leitos de UTI na cidade.

Um dos 13 novatos entre os 21 vereadores vitoriosos das eleições do último dia 15, Gerson perdeu a mãe para a COVID-19, em 2020.

Em conversa com o NMT, nesta semana, o investigador relembrou a dor que passou com a família e a sensação de impotência frente a precariedade da saúde local.

Tragédia quase foi maior

A doença que assola o mundo, por pouco, também não levou seu pai, que acabou salvo pela rede privada.

“Eu senti na pele o que é você precisar de um leito de UTI e não ter. Perdi a minha mãe e meu pai pegou COVID também com 87 anos e não tinha leito no SUS. A gente teve que ir para rede privada e aí você sabe como que é… Gastamos o que tínhamos e o que não tínhamos, mas, graças a Deus, ele se recuperou”, conta.

Causa pessoal

Eleito em um dos partidos mais concorridos da cidade e que possui, inclusive, o maior número de filiados, Gerson diz que quer montar uma frente parlamentar para ampliar a oferta de UTIs locais.

Sem médico

O parlamentar eleito afirma que outra demanda observada em suas andanças pelos bairros é a falta de profissionais para atender a população.

“Conversando com moradores, vemos que o prefeito (Zé do Pátio – SD) fez muitos postos de saúde, mas a maior reclamação dos moradores é que falta médico”, expõe.

Serviço prestado

Com quatro aprovações em concursos públicos no currículo, Gerson acredita que seu trabalho como líder comunitário fez a diferença pra levá-lo à vitória nas urnas.

“Atuei mais de cinco anos na Delegacia Especializada de Desídios de Trânsito. Então, acredito que esse trabalho de base, por ser da área da segurança também, englobou e nos ajudou a sairmos vencedores”, avalia.

Trânsito moderno e inteligente

O trânsito, aliás, é uma grande preocupação de Gerson, que defende que a cidade se modernize no setor.

Além de defender a ampliação de vias e obras estruturantes, o especialista em segurança pública crê ser necessário investimentos urgentes em sinalização semafórica.

“Precisamos de um novo modelo de semáforos, um sistema inteligente que consiga fazer frente a 185 mil veículos e 75 mil motocicletas que a cidade possui”, acrescenta.

Ao lado do funcionalismo

O investigador adianta ainda que estará junto aos servidores públicos em tudo que for “realmente viável” para a classe trabalhadora.

“Sou de uma família de 10 policiais, que também tem professores e outros vários servidores públicos, tanto do Município quanto do Estado. No que for realmente viável, nós vamos estar ali aprovando e acompanhando para buscar melhorias, até para que esses serviços possam ser desenvolvidos sempre da melhor forma possível”, ressalta.

Sem se opor à cidade

Apesar do seu partido não ter apoiado a reeleição do atual prefeito Zé Carlos do Pátio (SD), o vereador eleito afirma que estará pronto para auxiliar o Executivo Municipal em tudo que for bom para a cidade.

“A população de Rondonópolis elegeu Zé Carlos do Pátio. Então, com certeza, não sou eu que vou contra o prefeito, pois estaria contra a população”, resumiu.

 

 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here