Home Chicote Deputados derrubam veto a projeto que garante a presença de fisioterapeutas 24h...
fullinterna_3
fullinterna_1
fullinterna_3

Deputados derrubam veto a projeto que garante a presença de fisioterapeutas 24h nas UTIs de MT


| Fonte:
Paulo Araújo agradeceu aos deputados pela derrubada do veto

Foi aprovado o Projeto de Lei n° 718/19, do deputado estadual Paulo Araújo (Progressistas), que regulamenta a permanência por 24 horas do profissional de fisioterapia nos Centros de Terapia Intensiva (CTIs), adulto e pediátrico em todo o estado de Mato Grosso. A votação pela derrubada do Veto 46/2020, do governador Mauro Mendes, ocorreu durante sessão plenária desta quarta-feira (30) na Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT).

O parlamentar agradeceu aos deputados pela derrubada do veto. “Estou muito feliz pela aprovação deste projeto tão importante para o estado, é um projeto de vida, só quem já passou por um leito de UTI sabe da importância desse profissional estar desenvolvendo seu trabalho para a reabilitação, sem dúvida, isso poderá impactar a redução dos gastos e custos de manutenção dos leitos de UTI, vai diminuir o número de dias de permanência de pacientes nos leitos, e principalmente neste momento de pandemia, onde os pacientes de Covid-19, por exemplo, que precisam indispensavelmente do trabalho desse profissional”, pontuou Araújo.

Pela proposta aprovada, todo paciente em situação crítica ou potencialmente crítica deve ser monitorado continuamente, demandando a participação conjunta da equipe médica e de enfermagem e de fisioterapia. Atualmente, conforme a resolução da Agencia Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), é estabelecido que as UTIs devem dispor de pelo menos um fisioterapeuta por dez leitos, nos turnos matutino, vespertino e noturno, perfazendo um total de 18h.

A presidente do Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional da 9ª Região de Mato Grosso (Crefito-9), Ingrid Farina da Silva, ressaltou a satisfação pela conquista da categoria. “É um grande reconhecimento social que este projeto representa. O Crefito-9 agradece ao deputado Paulo Araújo pela brilhante defesa do projeto e à Assembleia Legislativa por terem se sensibilizado com esta causa de tamanha relevância para a sociedade e saúde do mato-grossense”, comemorou Ingrid.

Assobrafir – Segundo a Associação Brasileira de Fisioterapia Cardiorrespiratória e Fisioterapia em Terapia Intensiva (Assobrafir), a fisioterapia na UTI tem uma visão geral do paciente, pois atua de maneira complexa no amplo gerenciamento do funcionamento do sistema respiratório e de todas as atividades correlacionadas com a otimização da função ventilatória.

É fundamental que as vias aéreas estejam sem secreção e os músculos respiratórios funcionem adequadamente. A fisioterapia auxilia na manutenção das funções vitais de diversos sistemas corporais, pois atua na prevenção e/ou no tratamento das doenças cardiopulmonares, circulatórias e musculares, reduzindo assim a chance de possíveis complicações clínicas.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here