Home Destaque Léo Bortolin fecha coligação com 14 partidos em Primavera do Leste
fullinterna_3
fullinterna_1
megafullx

Léo Bortolin fecha coligação com 14 partidos em Primavera do Leste


| Fonte:
partidos
Representantes de 14 partidos que vão apoiar a reeleição do prefeito de Primavera do Leste

Em Primavera do Leste (a 240 km de Cuiabá), mais três partidos passam a compor a aliança da chapa à reeleição do prefeito Leo Bortolin (MDB) e Ademir Goes (DEM). Dessa forma, em uma composição histórica de união partidária, o Democracia Cristã confirmou fazer parte da composição, na noite da última segunda-feira (14).

PV e PSDB completam os 14 partidos

Na véspera de encerramento do prazo de convenção, O Partido Verde (PV) e o Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB) também bateram o martelo na tarde desta terça-feira (15) e apoiarão a reeleição do emedebista.

Com adesão do PV, PSDB e DC, Léo Bortolin vai para as urnas com um arco de aliança formado por 14 partidos.

Por outro lado, o Podemos que também realizou convenção na tarde de hoje, por não conseguir agregar nenhum partido, segue isolado.

Sobre Primavera do Leste

Com um vertiginoso crescimento populacional, já no ano de 1981, face ao seu franco desenvolvimento, Primavera do Leste é elevada a categoria de Distrito, pertencente ao Município de Poxoréo, começando assim, a dar os primeiros passos em busca de sua independência política. A partir daí, vislumbrando um futuro promissor, uniram-se às forças representativas e lideranças do Distrito e, em 24 de agosto de 1984, criou-se a Comissão Pró-Emancipação do distrito, composta por vinte e seis abnegados pioneiros que escolheram por unanimidade, Darnes Egydio Cerutti para presidi-la.

Como primeira sugestão, a comissão acatou o nome de Primavera D`Oeste, para o novo município pleiteado, nome este rejeitado pela Comissão de Emancipação da Assembleia Legislativa Estadual, pois o mesmo estava incorreto geograficamente em relação a localização no estado. Em vista disto, no dia 27 de junho de 1985 , por maioria simples, definiu-se que o novo Município deveria chamar-se Primavera do Leste, sendo de imediato rejeitadas as demais sugestões como Nova Primavera e Alto Primavera.

Cumpridas todas as demais formalidades legais, burocráticas e políticas que a questão exigia, no plebiscito realizado no dia 21 de abril de 1986, de 1.142 eleitores, compareceram 741 eleitores, sendo que 704 votaram à favor da criação do Município de Primavera do Leste. Em 13 de maio de 1986, o então Governador do Estado de Mato Grosso, Júlio Campos, assinou a Lei estadual n°. 5.014, que outorgava ao distrito, a categoria de Município de Primavera do Leste.

megafullhome_meio

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here