Home Editorias Cultura SINOP | Governo de MT vai facilitar a abertura de MEI para...
fullinterna_3
fullinterna_1
fullinterna_3

SINOP | Governo de MT vai facilitar a abertura de MEI para produtores culturais


| Fonte:
sinop
Atendimento acontece na Prefeitura de Sinop (MT)

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico (Sedec) fez uma dobradinha com a Diretoria de Cultura em prol da classe artística e cultural de Sinop e disponibilizou um servidor para ficar de prontidão todas as terças-feiras, na sede da Escola Municipal de Artes professora Viviane Malheiros Dal Berto, para efetuar a abertura de empresa na modalidade Micro Empreendedor Individual (MEI).

A ação é para beneficiar e acelerar o processo para os profissionais da classe que precisam efetuar um cadastro junto à Diretoria de Cultura para receber um auxílio. “Estávamos preocupados com o setor de eventos que foi o primeiro a parar e, provavelmente, será o último a ter suas atividades normalizadas. Vimos que o Governo Federal tinha uma linha voltada para artistas, coletivos e empresas que atuam no setor cultural e atravessam dificuldades em virtude da pandemia”, ilustra o diretor de Cultura, Daniel Coutinho, referindo-se à Lei Aldir Blanc.

Já o secretário de Desenvolvimento Econômico, Daniel Brolese, ilustra que a Prefeitura é um órgão único e que o trabalho em conjunto é algo rotineiro e automático. “Nós temos um setor dentro da Sedec chamado CAE, que é o Centro de Atendimento Empresarial, e uma de suas atribuições é cuidar da abertura de MEI. Quando soubemos que haviam 100 pessoas do setor de cultura precisando abrir uma empresa para poder se cadastrar para receber o auxílio nós, imediatamente, nos colocamos à disposição”, pontua.

A ação conjunta já se torna efetiva e benéfica à classe. Iniciada, ainda, na semana passada, já deixou o promotor de festas Erik Sávio Paulo, que trabalha há 15 anos na área de iluminação e há um ano montou sua própria empresa, bastante tranquilo para dar andamento no cadastro. “Montei minha empresa, comprei as coisas e logo veio a crise. Vendi um carro para conseguir contornar e espero que o setor volte logo ao normal para eu conseguir recuperar meu investimento. Eu entendo de eventos e não de abertura de empresa. Parece simples, mas tem alguns processos complicados que nos deixam confusos e, se não estiver tudo certo, nosso cadastro não é aprovado”, disse.

O CAE estimula a criação de novos empreendimentos, mas também busca e incentiva o a saída de empresários da informalidade. Já no que se refere às linhas de crédito, o CAE trabalha com a elaboração de projetos para captar as linhas de crédito desenvolvidas pelo Governo tais como, Fungetur Giro, Desenvolve Transporte, Desenvolve Agro, Fungetur, Micro Crédito, Desenvolve Franquia, Giro Mais, Fundeic, Inovacred e capital de giro emergencial.

De janeiro até meados de junho desse ano, o CAE já atender cerca de 400 pessoas. Nos últimos 60 dias, devido ao momento delicado que Sinop, assim como o Brasil, passam em relação à saúde e à economia, o CAE registrou um fluxo bem maior de pessoas em busca de linhas emergenciais disponibilizadas pela Agência de Fomento de MT, por meio do programa Desenvolve MT.

megafullhome_meio

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here