Home Destaque Empreendimento de Rondonópolis oferece opção personalizada de proteção veicular
fullinterna_3
fullinterna_1
fullinterna_3

Empreendimento de Rondonópolis oferece opção personalizada de proteção veicular


| Fonte: Da Redação NMT
Rogério Silva criou a Associação "PROTETIVA" que oferece os mesmos produtos dos melhores seguros do mercado com preço reduzido e atendimento personificado. Foto - MAXX SANTOS

Os custos elevados e a burocracia, tanto na contratação como no acesso das prestações de serviços acordadas, são empecilhos cada vez maiores e que desmotivam muita gente a contratar um seguro automotivo no Brasil. Diante desta realidade constatada e praticamente unânime na boca dos motoristas, uma nova opção surgiu em Rondonópolis com a proposta de oferecer, na prática, o mesmo amparo – desde guincho, carro reserva, indenização para terceiros, cobertura de colisões e roubo, com base na tabela FIPE, e assistência em todo território nacional – com um custo, em média, 20% menor e com um atendimento personalizado e próximo do cliente.

Rogério Silva é o responsável pela iniciativa que classifica como “novo modelo de negócio”. Foto – MAXX SANTOS

O dono do inovador empreendimento é Rogério Silva e ele explicou à reportagem do NMT, nos últimos dias, que a PROTETIVA “PROTEÇÃO AUTOMOTIVA” faz parte de um novo modelo de negócio que vem conquistando milhares de novos adeptos todos os dias, principalmente pela proposta de maior humanização da relação cliente e prestador de serviços. “A PROTETIVA não é uma seguradora, mas uma associação desenvolvida com recursos próprios que trabalha com o mesmo seguimento, um paralelo à linha de seguro; é um concorrente direto. Assim como o Uber veio concorrer com o táxi, veio numa nova modalidade de negócio”, exemplificou.

Pelo caráter de associação, a PROTETIVA, segundo explica seu responsável, não diferencia seus clientes pelo potencial econômico dos mesmos e muito menos despreza novos contratos em virtude das características dos veículos. “Nós focamos, na verdade, especificamente em carros e motos de pequeno e médio porte. Nossa especialidade é cuidar desse público; é cuidar do público rejeitado pelas seguradoras. Se o cidadão, por exemplo, tem um carro ano 2008, 2009 ou 2010 e for procurar um banco, vai ter uma série de limitações, uma série de regras que vão encarecer o valor da sua apólice e dificultar até o ponto de inviabilizar. Nosso objetivo é atender todo indivíduo, com preço justo”, acrescentou.

Equipe especializada trabalha 24 horas e em contato com vários parceiros em todo território nacional para garantir um atendimento padronizado e célere. Foto – MAXX SANTOS

Quanto ao atendimento personalizado, Rogério exemplificou um caso prático para mostrar como funciona o trabalho. “Hoje tivemos uma colisão, próximo de 11 da noite. A associada conseguiu falar direto comigo, pessoa física, e rapidamente fizemos o encaminhamento. Sabemos que a prática de uma seguradora de alto padrão, a pessoa entra numa listagem de demandas do 0800 e a coisa não funciona fácil assim. Conosco, além de uma rede de apoio 24 horas, temos um telefone próprio em horário comercial e o meu número, por exemplo, dentro do aplicativo, que foi o que essa cliente acessou. Ela me ligou, atendi e de maneira pessoalizada a atendi. Creio que esse é um diferencial, nosso foco é gente e não números”, ilustrou.

Embora seja uma empresa sediada em Rondonópolis, a PROTETIVA possui convênios no Brasil todo que permitem uma rede de parceiros que garantem as prestações de serviço acordadas nas cinco regiões do país. “Uma das coisas que a gente ouve muito aqui é “ah, mas a PROTETIVA só atende Rondonópolis, só atende região sul, só atende Mato Grosso”! Não, nós atendemos nível nacional. E como é possível isso em um país tão grande como o Brasil? Através de parceiros altamente qualificados que nós fomos buscar. Estamos próximos dos melhores; para se ter uma ideia, nossos rastreadores são da GETRAC, que é a maior empresa que trabalha com esse sistema. No contact center, contamos com a VELOX, que é a maior empresa da América Latina no ramo e cobre cada canto do Brasil”, confirmou Rogério.

FUNÇÃO SOCIAL

PROTETIVA oferece descontos nas mensalidades de quem lê um livro e envia seu relato para publicação da Associação. Foto – MAXX SANTOS

Pela característica que possui, a PROTETIVA está totalmente inserida na sociedade como mais um instrumento de torná-la melhor, conforme explica seu responsável. Rogério pontuou, por exemplo, como a cultura é valorizada pela associação. “Temos comprometimento desenvolver ações sociais, como é o caso do projeto chamado “atitude protetiva”. Qualquer associado ou qualquer pessoa que entra hoje no nosso site, vai se deparar com uma aba desta iniciativa onde encontrará diversas artigos culturais, como livros, por exemplo. Se os nossos associados fizerem o download do livro, lerem ele e nos mandarem um feedback com autorização para poder postá-lo, damos a esta pessoa um desconto na mensalidade”.

HISTÓRICO

A PROTETIVA “PROTEÇÃO AUTOMOTIVA” completou no último dia 25 de janeiro seu primeiro ano de atuação apenas. Rogério afirma que tanto ele quanto seu sócio, têm prazer de constatarem a satisfação do público com o que vêm fazendo. “Saímos na rua e nossos associados nos veem e nos cumprimentam pelo trabalho que nós estamos fazendo. Isso é uma motivação muito grande e essa proximidade é a chave de tudo. Prezamos pela ética e transparência que nos permitem escancarar totalmente nossas portas a um associado quando ele quiser. Pode entrar e entender como funciona tudo, pode sentar na minha sala e eu vou explicar como tudo funciona”, reforçou.

Slogan e gesto com as mãos refletem a fé dos homens à frente do projeto e a inspiração divina do empreendimento. Foto – MAXX SANTOS

Religioso, Rogério detalha que entende a PROTETIVA como um projeto divino e convida quem queira saber mais sobre a iniciativa em um café da manhã aberto ao público, que uma vez por mês é oferecido para manter o relacionamento estreito com novos e velhos associados. “Nesse café tem associado que traz os filhos, a mulher, a mãe, enfim, é um momento da grande família que somos. Óbvio que falamos de negócio, mas não é nem a prioridade. Convido a todos que venham, cada pessoa que entra pela porta entendemos que temos uma missão com ela. Eu sempre prezei por fazer algo que Deus esteja na frente e juntamente com meu sócio criamos uma simbologia de colocar os três dedos no peito e dizer: “vem pra melhor. Esse jargão relembra que a PROTETIVA é um projeto que o Pai, O Filho, e o Espírito Santo colocou em meu coração”, finalizou.

Sede da PROTETIVA fica na Rua Dom Pedro II, centro de Rondonópolis. Foto – MAXX SANTOS
megafullhome_meio

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here