Home Editorias Mato Grosso Realista, Bezerra costura Teté de suplente ao Senado
fullhome_2
megafull2
fullinterna_3

Realista, Bezerra costura Teté de suplente ao Senado


| Fonte: Da Redação NMT
Veterano não vê chances de protagonizar na disputa e esfria empolgação de aliados ao buscar construção de destaque como coadjuvante. Foto - Arquivo/ReportérMT

O veterano cacique, Carlos Bezerra (MDB), que está no quarto mandato consecutivo na Câmara Federal e tem no currículo a passagem pelo comandos do Governo do Estado e da Prefeitura de Rondonópolis, além de atuação Senado Federal e na Assembleia Legislativa de Mato Grosso, não tem uma longa carreira de sucesso nas urnas à toa.

O político tem, como poucos, uma percepção infalível das tendências do eleitorado, a chamada “conexão com a realidade”. Isto o fez, inclusive, ser o único sobrevivente entre os deputados federais de Mato Grosso da última legislatura, quando previu o “tsunami” que viria com Jair Bolsonaro (PSL) e queimou gordura para se manter vivo.

Com a eleição para substituição de Selma Arruda (PODE), cassada do cargo de senadora, batendo à porta, muitos correligionários têm incentivado Bezerra a entrar na disputa, mas o veterano tem confessado que não há chances. Avalia que novamente a polarização deve entrar em cena e entregar o protagonismo dentro deste conceito, tirando as chances de alguém mais centralizado, como é seu caso.

Diante dessa precisa avaliação, preferiu construir uma boa suplência para a mulher, Teté Bezerra, atualmente sem mandato. Definitivamente, ninguém fica tanto tempo no poder por acaso…

megafullhome_meio
RodapeMat2

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here